Click for Lisbon, Portugal Forecast

quarta-feira, outubro 12, 2005

Prazeres de Outono (III)


Retirada de http://sensitivelight.com/ Posted by Picasa


Mas quem diria ser Outono se tu e eu estávamos lá?
(Tínhamos sono... Tanto sono! É bom dormir ao deus-dará...)

E sobre o banco do jardim, ante a cidade, o cais e o Tejo,
seria bom dormir assim, ao deus-dará, como eu desejo...

Mas o teu seio é que não quis: tremeu demais sob o meu rosto...
Seria Outono aquele dia, nesse jardim doce e tranquilo...?

Seria Outono...
Mas havia todo o teu corpo a desmenti-lo.

//David Mourão Ferreira, Outono

1 Comments:

At sexta-feira, outubro 14, 2005, Blogger Lumife said...

Belo poema acompanhado de não menos bela foto.

Abraços

 

Enviar um comentário

<< Home